Vodafone Rali de Portugal 2018 – (Audio) Ricardo Marques – Hugo Rodrigues – Presidente da Câmara António Cardoso

A dupla Vieirense terminou o Vodafone Rali de Portugal na 33ª posição da geral, tendo ainda a 5ª posição entre os pilotos nacionais.Ricardo Marques / Hugo Rodrigues ficaram pelo caminho na segunda passagem pela classificativa de Vieira do Minho (SS 13) na Zona do Campo de Tiro, ao terem que se confrontar com a perda da direcção assistida do Hyundai i20 R5. Alinhando no dia seguinte (domingo) em regime de super-rali, viriam a fazer a ultima classificativa da prova Fafe 2 em ligação, já que foi neutralizada devido a uma má “aterragem” após o salto da Pedra Sentada de Brendan Cumiskey (Ford Fiesta R5), ficando este parcialmente a ocupar, uma parte do troço.Enquanto estiveram em prova, a dupla de V. Minho, mostrou andamento, sendo retribuída à sua passagem com aplausos.Cumpriram assim o principal Objectivo, que era terminar este rali com a melhor posição possível.

As declarações de Ricardo Marques

As declarações de Hugo Rodrigues

Presente no Final da Classificativa estava o Presidente da Câmara António Cardoso que manifestou o seu apoio à equipa de Vieira do Minho

Ermal ganha praia de “Qualidade Ouro”

À semelhança dos anos anteriores, a Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza identifica, de acordo com critérios estabelecidos pela própria Associação, as águas balneares em Portugal classificadas como tendo “Qualidade de Ouro”, com base na informação pública oficial disponibilizada pela Agência Portuguesa do Ambiente, e tendo apenas em consideração as análises efetuadas nos laboratórios das diferentes Administrações Regionais Hidrográficas.

Para a época balnear de 2018, a Quercus identifica assim 390 praias com “Qualidade de Ouro” em Portugal – menos 6 do quem 2017 – num total de 640 praias. Das praias identificadas, 342 são praias costeiras, 39 são praias interiores e 9 são de transição.

Em comparação com 2017, há menos 9 praias costeiras galardoadas, existem mais 3 praias interiores e igual número de transição. Nos Açores foram distinguidas 39 praias (mais uma em relação a 2017), na Madeira foram distinguidas 19 praias (igual a 2017), e em Portugal continental 332 (menos 7 do que em 2017). O concelho com maior número de praias com “Qualidade de Ouro” é Albufeira com 22 praias, seguido de Almada com 17, Vila Nova de Gaia com 16, Vila do Bispo com 13, e Torres Vedras com 12.

Para receber a classificação de praia com “Qualidade de Ouro”, a água balnear tem de respeitar os seguintes critérios:

Qualidade da água Excelente nas 5 últimas épocas balneares, de 2012 a 2017.

No distrito de Braga, Cabeceiras de Basto perdeu nesta lista da Quercus “qualidade” na praia fluvial de Cavez. Já Vieira do Minho viu o Ermal ganhar o título de praia “Qualidade Ouro”.

No que diz respeito às restantes praias, começando pelas do interior, Alqueirão (Terras de Bouro), Verim (Póvoa de Lanhoso) e Cavalinho(Braga) continua a ter “boa água”. De destacar que a praia de Adaúfe, apesar de ter bandeira azul, a qualidade da água “não entra ainda nos critérios exigidos”

Pilotos satisfeitos com as condições das classificativas

Terminados, na tarde desta quarta-feira, os reconhecimentos, que deixaram aos pilotos prioritários uma impressão muito positiva do estado dos pisos das classificativas, o Vodafone Rally de Portugal já entrou em contagem decrescente e a partir das 07h30 de quinta-feira os motores vão ouvir-se em Paredes, placo do Shakedown.

Foram 11 as classificativas (incluindo o traçado do shakedown, na pista de Baltar) que os pilotos reconheceram ao longo destes dois dias, perante um sol radioso e temperaturas amenas. No plano competitivo, tais condições meteorológicas não agradam na plenitude ao penta campeão e líder do campeonato Sebastien Ogier (Ford). O mesmo não disseram os seus mais diretos rivais Ott Tanak (Toyota) e Thierry Neuville (Hyundai), enquanto Kris Meeke (Citroen) elogiou o trabalho desenvolvido pela organização desta sexta prova do Campeonato do Mundo.

Esta quinta-feira, entre as 07h30 e as 11h30, os pilotos prioritários vão fazer, no Shakedown, em Paredes (pista de Baltar), o último teste aos respetivos carros, para depois ao fim da tarde rumarem à cidade de Guimarães, onde no Campo de São Mamede, junto ao castelo, será feita uma sessão de autógrafos (17h25/17h45), antes da partida oficial, pelas 18h10, do Vodafone Rally de Portugal. Os concorrentes rumam, então, a Lousada, para na pista local abrirem as hostilidades, ao disputar a primeira classificativa (3,36 km), cujo início está agendado para as 19h03.

XVI Conferência CAVA

Teve lugar no dia 8 de Maio de 2018, pelas 16 horas, na Casa Museu Adelino Ângelo, em Vieira do Minho, mais uma  edição das Conferências CAVA, desta feita a XVI.

Desta feita, a figura de destaque foi o Maestro António Victorino d`Almeida, famoso compositor, maestro, pianista, escritor e apresentador que, sob o tema “Os jovens, a dignidade e a arte”, deliciou e envolveu todo o auditório aí presente com a sua intervenção marcadamente bem disposta, pessoal, descomplexada, informal, dialogante, viva e emocionante.

A interacção com o público, durante o período de cerca de hora e meia, foi uma constante, sobretudo na relação de proximidade com os mais jovens (alunos do ensino articulado de música), tendo o orador, em alguns momentos, ilustrado musicalmente as suas intervenções, com recurso a excertos de peças de autores famosos de música clássica.

A sessão, contando com mais de 100 pessoas, teve, também, na abertura, a participação da Sociedade Filarmónica de Vilar Chão que interpretou dois temas muito conhecidos: o hino de Vieira e o hino de Vilar Chão. A finalização esteve a cargo da Sociedade Filarmónica de Vieira do Minho que, em conjunto com quatro elementos do coro, interpretou o tema “Halleluia”, de Leonard Cohen.

Esta sessão teve, também, um cariz muito especial, já que foi saudada por Sua Excelência o Presidente da República, através de uma missiva que enviou e que foi lida pelo Presidente do CAVA, Filipe de Oliveira.

Para coroar esta sessão, qual cereja no topo do bolo, o orador, tendo sido desafiado para tal, interpretou uma valsa romântica com os cotovelos, curiosamente o mesmo tema e nos mesmos moldes que interpretara em 1969, aquando da sua participação na 1.ª sessão do programa ZIP-ZIP, na RTP, interpretação esta que foi degustada por todos, num momento de verdadeiro gáudio.

Também à semelhança das anteriores, a sessão deste ano resultou de uma parceria entre o CAVA e o Agrupamento de Escolas Vieira de Araújo e teve o apoio da Rádio Alto Ave, do Jornal de Vieira, do IPDJ, I. P. e da Câmara Municipal de Vieira do Minho.

A iniciativa reforçou, mais uma vez, o já enorme e valoroso contributo do CAVA no enriquecimento e envolvência cultural, pedagógica, formativa e cívica do concelho de Vieira do Minho.

Rali de Portugal: 1 milhão necessário à continuidade em 2019

Carlos Barbosa, presidente do Automóvel Clube de Portugal (ACP), entidade organizadora do Rali de Portugal disse esta Quarta-feira na apresentação da prova que  é necessário “um apoio de um milhão de euros, que as autarquias não podem suportar”.
Diz o dirigente que há seis países a querer entrar no WRC e que perante isto, “temos uma certeza: se o Rali de Portugal deixar o mundial, nunca mais voltará”

Audio – Joaquim Ramalho

António Victorino D´Almeida na XVI Conferência CAVA

António Victorino d’Almeida será o orador da XVI CONFERÊNCIA organizada pelo CAVA

O compositor, maestro, pianista e escritor português explorará o tema: “OS JOVENS, A DIGNIDADE E A ARTE”.
A XVI CONFERÊNCIA CAVA vai realizar-se na Casa Museu Adelino Ângelo, no dia 8 de Maio de 2018, e tem início marcado para as 15 horas e 45 minutos.
O evento resulta de uma parceria entre o CAVA e o Agrupamento de Escolas Vieira de Araújo, e conta com o apoio da Rádio Alto Ave, do IPDJ, I. P. e da Câmara Municipal de Vieira do Minho.
De realçar, ainda, que nas conferências do CAVA já estiverem presentes, entre outros convidados, Júlio Machado Vaz, José Pinto da Costa, Rui Rio, Júlio Magalhães, Pedro Passos Coelho, Saldanha Sanches, António Vitorino, Marcelo Rebelo de Sousa, D. Carlos Azevedo, António Marinho e Pinto, José Berardo, Luís Marques Mendes, Alexandre Soares dos Santos, Rui Moreira, Diogo Freitas do Amaral, Pedro Chagas Freitas, Guilherme d’Oliveira Martins, Pedro Abrunhosa e José Ramos-Horta.

Vai fazer queimas ou queimadas? Protecção Civil alerta para cuidados a ter

Siga as recomendações da Protecção Civil para evitar que queimas e queimadas se transformem em incêndios.

Face ao número de incêndios em contexto de práticas agrícolas envolvendo queimas e queimadas ocorridos durante o mês de abril, a Autoridade Nacional de Proteção Civil recomenda a adoção das necessárias medidas de prevenção e precaução para a salvaguarda da segurança de pessoas e bens.

Em comunicado, a Proteção Civil reforça que todos devem adotar estes comportamentos na realização de queimas e queimadas, quando permitidas, em contexto de práticas agrícolas.

Siga estes cuidados:

1- Informar os bombeiros ou o Serviço Municipal de Proteção Civil antes da realização da queima ou queimada, indicando o dia e local;

 

2 – Respeitar sempre as interdições à queima durante o período crítico, bem como fora do período crítico nos dias de risco de incêndio muito elevado e máximo;

3 – Escolher dias nublados e húmidos. Não realizar a queima/queimada com tempo quente e seco ou quando o vento sopra com intensidade (provoca o descontrolo do uso do fogo e aumenta o risco de incêndio);

4- Preparar a área da queima/queimada com a abertura de uma faixa limpa de vegetação em torno da área a queimar. Molhar a faixa de limpeza antes de iniciar a queima e ter sempre um recipiente com água ou uma mangueira junto do local;

5- Não queimar grandes áreas de uma só vez, por forma a permitir maior controlo do fogo. No caso da queima, optar por vários montes de pequena dimensão em vez de amontoados grandes;

6 – Ter no local equipamentos de primeira intervenção, designadamente água, pás, enxadas e extintores, suficientes para controlar a queima/queimada. Acompanhar a localização da queima/queimada, mantendo a atenção e vigilância.

7- Caso a queima/queimada fique descontrolada, alertar o 112. Leve consigo um telemóvel e de preferência esteja sempre acompanhado.

8- Após a realização da queima/queimada, abandonar o local apenas quando o fogo estiver extinto. Reforçar a faixa de limpeza e rescaldar com água, caso necessário.

A Protecção Civil lembra ainda qual a diferença entre queima e queimada. A primeira designa a eliminação de sobrantes de exploração agrícola ou florestal, que estão cortados e amontoados (uma área mais pequena e restrita); A segunda diz respeito à eliminação de restolho, sobrantes de exploração agrícola ou florestal que estão cortados mas não amontoados (uma área mais extensa e menos confinada).

GNR do posto territorial de Vieira do Minho efetua busca domiciliária e a veículo no âmbito de processo crime em investigação.

Em cumprimento de respetivos mandados de busca e apreensão emitidos para o efeito, pela autoridade judicial competente de Vieira do Minho, a GNR do posto territorial de Vieira do Minho realizou nas últimas horas uma busca domiciliária e uma busca a veículo no âmbito de processo crime em investigação, e em cumprimento dos respetivos mandados de busca e apreensão emitidos para o efeito, tendo como resultado a apreensão de:

– Uma arma de fogo tipo caçadeira, arma de classe D, calibre 12 de 2 canos paralelos

– Uma arma de fogo tipo caçadeira – arma de classe D – calibre 12 de 1 cano

– Noventa e um cartuchos calibre 12

– Uma cartucheira

– Dois coletes de caça com cartucheiras acopladas.

Estas buscas foram realizadas com base em factos susceptíveis do crime de ameaça, sem registo de qualquer detenção. O processo segue os trâmites normais nos serviços do MP/DIAP de Vieira do Minho.

 

Cabreira Challenge 2018 – Apresentação

A Câmara Municipal de Vieira do Minho promoveu hoje uma conferência de Imprensa, na Praça Central de Vieira do Minho  para a apresentação da 2ª edição do Cabreira Challenge, uma prova inédita multi-desportiva que vai decorrer em Vieira do Minho nos dias 28 e 29 de Abril.

Trata-se de uma iniciativa realizada pelo Município de Vieira do Minho  que conta com a colaboração das associações Pedalar Vieira, BTT Brancelhe, Cabreira Aventura, Moto Clube do Ermal, Cabreira Moto Team e pelo grupo Vieira A Correr.

Será um evento desportivo, sem carácter competitivo oficial, com as modalidades de Trail, BTT, 4X4 Jipe e Moto TT, a serem disputadas num cenário verdadeiramente idílico, onde o pano de fundo é a Serra da Cabreira.

CNE – Festivais Regionais 2018

A Junta Regional de Braga do CNE(Corpo Nacional de Escutas) realiza no sábado dia 14 de Abril no Pavilhão do Centro Escolar Domingos Abreu em  Vieira do Minho os Festivais Regionais 2018.

Segundo a organização, nestes festivais estão inscritos um elevado número de participantes, oriundos de agrupamentos de toda a Região.

Durante o dia vão acontecer dois festivais e dois concursos, sendo eles Festival Monsenhor Américo, Festival Escutista de Curtas-Metragens/Escurtas, Concurso de Fotografia Escutista e Concurso de Peças de Fogo de Conselho, uma actividade ao serviço da educação de crianças e jovens, da missão do movimento escutista e do futuro das comunidades.